Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2010

Irmãos

Nossos irmãos são aquelas pessoas que sempre estarão ao nosso lado, seja para sorrir, apoiar ou até mesmo te ajudar a levantar quando necessário.
     São nossos irmãos que defenderão nossa honra quando não estivermos presentes, que deixarão a porta do quarto sempre aberta para nós os procurarmos durante a madrugada, quando os dois deveriam estar dormindo. Tudo isso para ouvir seus desabafos, te confortar e aconselhar, te mostrando o quanto você é especial e te ajudando a enxergar no que está errando.
     Estes mesmos irmãos estarão ao nosso lado nos momentos de descoberta. No dia em que você ensaboar o piso e descobrir o quanto é divertido escorregar, ou o quanto é gostosa a massa feita com leite em pó e um pouco d'água, eles estarão presentes.

     Eles estarão junto a você momentos antes de dormir e mostrarão os desenhos que podem ser formados com as estrelas coladas no teto do quarto que brilham no escuro.

     Irmãos devem ser valorizados e têm o direito de saber o qu…

No meu tempo...

Houve um tempo em que as crianças choravam para ganhar um daqueles pintinhos de feira coloridos, mesmo sabendo que provavelmente eles não iriam durar mais que uma semana, na realidade, se durassem uma semana seria sorte.

   Nesse tempo, a novidade tecnológica era o bichinho virtual, que eu confesso, não conseguia cuidar. Sempre morria. Morria porque eu estava muito ocupada em brincar de boneca, inventar algo para fazer com meu irmão ou simplesmente furtar a cenoura cortada dentro de um prato na mesa da cozinha.

    Ainda neste tempo, Bananas de Pijamas era engraçado, Ursinhos Carinhosos era fofo e Chaves no fim da tarde indicava que era hora de ir tomar banho.

   Brincar na areia da pracinha era a diversão do fim de semana que ficava ainda melhor com potes e uma garrafa d'água. No fim da brincadeira, era obrigatório olhar bem para o lugar onde ficaram os frutos deste trabalho árduo: os bolinhos de areia! Talvez, no outro dia eles ainda estivessem lá. Pena que os meus sempre er…

Oh, o descanso!

Há muito tempo eu não descansava de verdade. Estava com saudades de coisas simples, como assistir a novela sem culpa por estar "desperdiçando" o tempo que deveria estar sendo gasto para fazer um trabalho, da escola ou do curso.
   Revivi nesta semana momentos preciosos; aproveitei meu tempo fazendo estas coisas simples que me faziam falta, como conversar com velhos amigos por mais tempo, mesmo que por MSN, limpar a casa, ler até a hora que quiser e passar um tempo mais perto da minha irmã. Isto me alegrou, me aliviou. Sei que o que faço me trará coisas boas no futuro, e pode acreditar que se você também está esforçando-se, dedicando seu tempo a algo, isto lhe trará frutos.
   As vezes, é preciso deixar as obrigações de lado, viver! Aproveitar o tempo em que você estará aqui! Ora, de que adianta trabalhar e ser estabilizado financeiramente se você não aproveitar aquilo que considera prazeroso? Prepare-se para o futuro, mas não esqueça-se de viver o presente.
Isabela C. Santos…