É a imprevisibilidade

    Nicole havia acordado mais tarde do que deveria (o que não era raro), estava quase atrasada. Tomar o café da manhã correndo (às 12:30) já havia se tornado rotina, dizer para a avó que não iria almoçar porque, afinal, "já deveria estar no ponto de ônibus" também não era novidade. Nicole não era do tipo que se arriscava, mas quanto ao horário, podemos dizer que ela o desafiava sempre. Nicole andou (quase correndo) para não perder o ônibus. Por mais incrível que pareça, naquele dia Nicole conseguiu chegar ao terminal de ônibus oito minutos antes do horário que o ônibus costumava partir (ele costumava estar pronto para os passageiros se sentarem dez minutos antes deste horário). Mas... O ônibus não estava lá. A fila estava maior do que o normal. O horário apertado... Nicole se atrasou. E mesmo que ela tivesse acordado mais cedo de nada adiantaria. Nunca se sabe... é a imprevisibilidade da vida humana.

Isabela C. Santos

Comentários

Anônimo disse…
Eu não comentei as demais postagens, mas não deixei de visitar o blog todas as noites para ver se havia mais criações. Que Deus lhe abençoe.

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

Esta data

8 anos