Uma pausa

Por fim a gente cansa, simples assim. Cansa dos mesmos problemas, das mesmas questões, das mesmas discussões, das mesmas situações, dos mesmos sentimentos. É, a gente cansa. Dá vontade de correr e deixar tudo pra trás, não dá? Dá. Mas sabe, não adianta. Ninguém foge disso. A gente pode enfrentar tudo e resolver, ou fugir. Mas enfrentar assim, cansada? Não, antes uma pausa. Preciso disso: a pausa para respirar na subida de uma escadaria gigante, respirar e tomar coragem, descansar para poder continuar. Deixe-me suspender essas questões, preocupar-me com outras discussões, viver outras situações. Permita-me viver um pouco diferente e eu resolvo tudo isso. Uma pausa, por favor.

Isabela C. Santos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

Esta data

8 anos