Às vezes

Às vezes, meu bem, as coisas ficam estranhas. Não, não vou explicar nada. Não há o que explicar, não há o que falar além disto: é estranho. Simples assim, nem tente entender, meu bem. Viva e deixe o tempo.  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

Esta data

8 anos