Não é de assustar?

Olá, meu bem!

Sabe, eu sei que você sabe, mas já que veio até aqui me visitar lhe direi no que andei pensando desde a última vez em que estive aqui: no tempo e nas coisas.

Não é de assustar o fato de que algumas coisas mudam facilmente com o tempo e outras parecem nem ao menos vê-lo passar?




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

8 anos

Meu presente