Lá fora

Aqui dentro eu me arrumo no sofá, com coisas a fazer, sabendo que a noite será longa. Lá fora, o ar está úmido e gelado; a chuva cai. 

O som da chuva sempre me encantou, sempre tornou mais gostosa a minha hora de dormir, aqui dentro. 

Aqui dentro a chuva é o som das gotas no telhado. Lá fora é diferente, a chuva não é somente o som das gotas no telhado e o cheiro da terra e do asfalto molhado. Lá fora a chuva é água, e a água, costuma dizer aquele tio da piada do "é pá vê ou pá cumê", é molhada. 

Aqui dentro da minha caverna com energia elétrica, telefone, gás e água encanada, a minha chuva é completamente diferente da chuva daquela pessoa que está logo ali, lá fora.

Isabela C. Santos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

8 anos

Meu presente