Oh! Meu cachorro Pantufa, por aqui outra vez?

   Querido e amado Pantufa, sei que já lhe escrevi uma carta e também sei que a mesma iniciava-se da mesma forma, mas o que fazer nos momentos em que a criatividade decide esconder-se? Você deve saber, descobriu como esconder sua comida! Embora você não tenha lembrado que cobrir o pote de ração com o tapete não faz desaparecer o volume.

   Embora possa parecer que minha intenção é que você me ajude de alguma forma, eu quero lhe ajudar. Preciso lhe avisar: envenenaram a Kiara. Ora, você deve ter imaginado que os cinco filhotes miam tanto por alguma razão. Siga as recomendações a seguir:
  • Não confie em estranhos;
  • Não aceite comida que não seja oferecida por mim, pela MINHA mãe, MEU pai ou MEUS irmãos (você deixa transparecer que acredita que a mãe é SUA, o pai é SEU e os meus irmãos são SEUS);
  • Se algum alimento surgir no quintal não o coma, já te expliquei que não chove comida;
    Lembre-se querido ''au-au'', sou cinco anos mais velha que você, ouça o que os idosos têm a dizer, não despreze os avisos, pois quando há aviso há perigo!

Carinhos na orelha, 
Isabela C. Santos

P.S: Você sabe que o caso da Kiara é real.
P.P.S.: Os gatinhos estão miando.
P.P.P.S.: Não se zangue por sua "semi-cama" estar sendo utilizada pelos gatinhos, eles são bebês e você já é bem crescidinho!

Comentários

Gabriella disse…
HAHA' Ai Isa, você não existe!

O Pantu, seu lindo cachorrinho, não sabe ler! Acho melhor você se conformar... e.ê

Postagens mais visitadas deste blog

O lado ruim do carnaval

Esta data

8 anos